Homem é preso quando corria atrás de mulher e gritava que ia matá-la

Um homem, de 30 anos, foi preso na noite de terça-feira (21), por volta das 20h20  quando corria atrás da sua mulher e gritava que ia matá-la.

O caso aconteceu no Jardim Águas Claras. A Polícia Militar se deslocava para atender uma ocorrência quando os policiais avistaram um homem no  meio da rua com um pedaço de madeira na mão.  Ele gritava “vou te matar” e corria atrás da sua companheira.

Na frente do acusado estava seu pai, que o impedia de se aproximar da vítima.

Os policiais imediatamente contiveram o rapaz, que estava extremamente alterado e agressivo e o levaram para o Plantão Central da Polícia Civil, onde ele continuou agitado e gritando. O homem, dizia a todo momento que se fosse solto iria matar a vítima.

A autoridade de plantão então o autuou em flagrante por ameaça – violência doméstica – e em seguida, o apresentado em audiência de custódia.

MAIS NOTÍCIAS POLICIAIS

A melhor arma contra a desinformação é o jornalismo independente, sério e profissional, portanto, informe-se diariamente, pelo Jornal Em Pauta.

Outras notícias polícias você encontra na aba Polícia, no menu principal do site, bem como, na página Polícia em Pauta no Facebook.

Para receber as principais notícias do dia de Bragança Paulista e da região participe dos grupos de WhatsApp do Em Pauta ou acesse nosso grupo de notícias no Telegram.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.