“Nós fizemos de tudo para estarmos comemorando”, afirma Barbieri

De Montevidéu
Por: Filipe Granado

Após a derrota para o Athletico Paranaense, o treinador do Red Bull Bragantino, Maurício Barbieri, conversou com a imprensa nacional e internacional, sobre a decepção com a perda do título sul-americano.

“É momento difícil para todos nós, pois nós não nos preparamos para estar aqui desta maneira. Nós gostaríamos muito e fizemos de tudo para estarmos aqui comemorando, mas o fato é que o futebol as vezes segue uma dinâmica que a gente possa compreender e atender”, iniciou.

LÁGRIMAS DE FORÇA

“Essas lágrimas que a gente vê nos olhos dos companheiros, que também descem dos nossos olhos demonstra força, caráter, hombridade, que são virtudes importantes pra gente continuar crescendo”, disse.

Embora visivelmente abatido, o jovem técnico disse que é preciso olhar para a frente. “Temos que absorver porque no final de semana já temos outra partida. É um nosso desejo terminar a temporada classificados para a Libertadores, pois seria um degrau acima para nós. Novo objetivo, nova oportunidade de aprender e crescer”, disse.

LEGADO DO VICE-CAMPEONATO

Sobre os pontos positivos que ficarão desta Copa Sul-Americana, Barbieri destacou e evolução de todo grupo. “O caminho é esse. Pegamos um grupo de jogadores extremamente jovens, muito deles com pouquíssima experiência internacional e eles cresceram, amadureceram, se desenvolveram como equipe de forma brilhante ao longo da competição e esse é o legado que a gente vai levar. Uma construção de equipe, jogadores e cidade”, disse.

Aliás, o treinador fez questão de incluir a torcida do Massa Bruta neste processo de construção. “É importante nunca esquecermos do torcedor e o que isso representa para a cidade e enquanto essa sinergia nos leva a diante. Com esse tipo de postura e atitude ainda teremos muitas finais pela frente, vamos ser cada vezes melhor”, vislumbrou.

VENCEU O MELHOR?

Sobre o resultado da partida, Maurício Barbieri preferiu analisar o todo, ao resultado em si. “Independentemente do resultado, nós sempre fomos o que fomos ao longo da competição. Equipe queria a bola e assumir controle do jogo. Postura corajosa. Teria ficado decepcionado se não fossemos fiéis a essa identidade e postura corajosa”, afirmou.

LESÕES DE JOGADORES

Sobre a principal dificuldade encontrada na hora de formar a equipe para a partida mais importante da temporada, Barbieri acredita que não terá os mesmos problemas na curta sequência do Brasileirão, que vale para o Red Bull Bragantino a vaga para a Libertadores 2022.
“Por uma série de circunstâncias não tínhamos jogador de origem do meio-campo, optou-se pelo Cuello, mas agora para a sequência temos possibilidade de contar com Emiliano, Luciano e talvez Ramirez. Temos que esperar os próximos dias. Temos que seguir em frente, o grupo já demonstrou força em outros momentos”, concluiu.

TUDO SOBRE O BRAGANTINO

A melhor arma contra a desinformação é o jornalismo independente, sério e profissional, ou seja, informe-se diariamente, pelo Jornal Em Pauta.

No Jornal Bragança Em Pauta todos os dias você fica por dentro das últimas e principais notícias do Red Bull Bragantino masculino e feminino.

Para receber notícias de Bragança Paulista, bem como da região no celular entre nos grupos de
WhatsApp do Em Pauta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *