Homem é preso após ameaçar matar mulher e filha

Um homem, de 42 anos, foi preso no final da noite de domingo (24) após ameaçar matar a mulher e a filha. A vítima é assistida pelo Projeto Guardiã Maria da Penha e já tinha medida protetiva contra o ex-marido.

Diante das mensagens que ele mandou para ela naquela noite, a mulher acionou a Guarda Municipal. Os guardas foram então até a residência dela, no Parque dos Estados, e confirmaram o teor das mensagens.




Eles então orientaram a vítima bloquear  o contato do ex, o que foi feito. Quando o homem percebeu que tinha sido bloqueado mandou uma mensagem para a filha do casal, dizendo que ia até a casa matar as duas, mãe e filha.

Como a filha não respondeu, o homem ligou para o celular da filha, várias vezes, até que ela o atendeu, na presença dos guardas e no viva voz. Ele questionava a todo momento porque a ex-mulher o tinha bloqueado, mandando que ela desbloqueasse, senão iria até a casa e mataria todo mundo.

Diante dos fatos, os guardas se dirigiram até o endereço do acusado e o questionaram sobre os fatos.  Ao ser questionado, ele se tinha conhecimento da medida protetiva, ele confirmou e depois falou que podiam leva-lo preso, porque ele iria matar a vítima mesmo.

O acusado foi então conduzido ao Plantão Central da Polícia Civil,  autuado em flagrante por descumprimento de medida protetiva de urgência e apresentado em audiência de custódia.

📲Entre no grupo de WhatsApp e receba as últimas e principais notícias
📲 Siga o Jornal Em Pauta no Instagram e no Twitter
📲 Entre no grupo do Telegram e receba as últimas e principais notícias

 




Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.