PM desmente boatos sobre ataques na região da USF

Desde ontem (13), passou a circular em grupos de WhatsApp de Bragança Paulista uma imagem, cuja autoria é desconhecida, afirmando que um homem estaria perseguindo mulheres na região da Universidade São Francisco (USF), no Jardim São José. Um dos textos que se espalhou rapidamente nas mídias sociais, trazia as características físicas do suposto criminoso, seu suposto nome e até uma foto. 

De acordo com esta publicação, o suspeito portaria uma faca para ameaçar as vítimas. Já no Twitter, o mesmo caso foi tratado como a presença de um “maníaco” em Bragança Paulista. E duas supostas vítimas relatavam que haviam sido perseguidas.




 

Por meio de nota emitida no final da tarde desta quinta-feira (14), o 34º Batalhão de Polícia Militar do Interior, com sede em Bragança Paulista, informou à imprensa que mediante as informações que passaram a circular digitalmente, intensificou o policiamento no local mencionado.

Ainda segundo a nota, o levantamento de dados da PM não confirmou a informação dos posts compartilhados e tampouco algum registro formal de ocorrência.

A Polícia Militar frisa que “até a data de hoje nenhuma eventual vítima ou testemunha se apresentou ou foi identificada. Não há boletim de ocorrência registrado a respeito” e “o homem da foto é conhecido da população local, sendo que aparenta possuir distúrbio mental”. 

O 34° BPM/I ressalta que atribuir crimes ou fato ofensivo à reputação de pessoas sem ter a certeza da autoria, bem como violar seu direito à imagem, configura o crime de calúnia ou difamação, artigos 138 e 139 do Código Penal.  

Por fim, orienta a população que ao tomar ciência de possível fato criminoso ou ilícito acione, via telefone 190, a Polícia Militar ou procure a delegacia mais próxima para o registro do boletim de ocorrência, não sendo uma atitude responsável produzir ou disseminar qualquer material com informações ou imagens de pessoas com informações falsas ou não confirmadas.

 

📲Entre no grupo de WhatsApp e receba as últimas e principais notícias
📲 Siga o Jornal Em Pauta no Instagram e no Twitter
📲 Entre no grupo do Telegram e receba as últimas e principais notícias




 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.