Duas pessoas morrem e ocupação de enfermaria registra nova queda

O boletim da Secretaria de Saúde  desta quinta-feira, 21, mostra que Bragança Paulista  registrou mais duas mortes em decorrência da COVID-19. Além disso, o boletim também mostra nova queda da ocupação dos leitos regionais de enfermaria.

A fila de espera por vagas em leitos de UTI, bem como leitos de enfermaria está zerada pelo segundo dia consecutivo. A taxa de ocupação dos leitos regionais de UTI que era de 82%  subiu nas últimas 24 horas para 85%. Em contrapartida, a taxa de ocupação dos leitos de enfermaria que era de 90% caiu para 80%.

AS MORTES

As novas mortes divulgadas hoje são:

  • 502: paciente do sexo masculino, de 42 anos, que estava hospitalizado em leito de UTI e faleceu terça-feira, 20.
  • 503: paciente do sexo masculino, de 66 anos, que estava hospitalizado em leito de UTI e faleceu terça-feira, 20.

Com essas duas mortes, o município totaliza agora 503 mortes em decorrência da pandemia da COVID-19. Das 503 mortes, aliás, 101 mortes aconteceram de março até dezembro de 2020. As outras 402, portanto, aconteceram este ano.

Em janeiro de 2021 o município registrou 25 mortes, ao passo que em fevereiro 33, em março 132, em abril 83, em maio 42 mortes. Em junho a Secretaria de Saúde contabilizou 56 mortes em decorrência da COVID-19, enquanto que julho já conta com 31 mortes contabilizadas.

TRANSFERÊNCIAS E INTERNAÇÕES

O boletim Secretaria Municipal de Saúde desta quinta-feira, 22, mostra que nas últimas 24 horas não foram realizadas novas transferências. Ao todo, portanto, continuam em 96, o número de pessoas que foram transferidas desde janeiro, sendo que 32 delas apenas no mês de junho. Além disso, 23 transferências já foram divulgadas só neste mês de julho.

A transferência para hospitais fora da região é realizada todas as vezes que pacientes precisam receber tratamentos adequados em leitos de UTI e de enfermaria e, no entanto, em Bragança Paulista não há vagas.

Atualmente, os 30 leitos regionais de enfermaria SUS do Hospital de Campanha da Santa Casa de Bragança Paulista estão com taxa de 80% de ocupação. Além disso, os 47 leitos de UTIs, disponibilizados no Hospital Universitário, Santa Casa de Socorro e Santa Casa de Bragança Paulista estão 85% ocupados.

Os 20 leitos de enfermaria da UPA Vila Davi destinados apenas para Bragança Paulista, conforme os dados da Prefeitura, estão desocupados.

Já com relação ao total de internações de moradores de Bragança Paulista, o boletim de hoje mostra que caiu de 109 para 105 o número de internados.  Dos 105 pacientes, 91 já tem confirmação de COVID-19. Além disso, 14 pacientes aguardam os resultados de exames.

OUTROS NÚMEROS

O boletim de hoje da Secretaria de Saúde indica ainda:

  • 48.030 notificações ao Ministério da Saúde, sendo que só no boletim de hoje foram mais 204 notificações de casos suspeitos
  • 81. 477 testes realizados desde o início da pandemia.
  • 112 casos confirmados de COVID-19, em 24 horas
  • 22.987 casos confirmados desde o início da pandemia
  • 21.223 pessoas recuperadas desde o início da pandemia, 219 delas a última atualização.
  • 1.170 pacientes positivos em isolamento domiciliar
  • 106 pacientes aguardando resultados de exame em casa
  • 91 pacientes positivos internados
  • 14 pacientes aguardando resultados de exames internados
  • 503 mortes confirmadas
  • 95.303 pessoas vacinadas com a primeira dose da vacina contra a COVID-19 e 32.166 com a imunização completa.
INFORME-SE

A melhor arma contra a desinformação é o jornalismo independente, sério e profissional. Informe-se, portanto, diariamente, pelo Jornal Em Pauta.

No Em Pauta, diariamente você encontra notícias atualizadas sobre o avanço da COVID-19 em Bragança Paulista, Atibaia e região,

Quer receber notícias atualizadas de Bragança Paulista, bem como região no celular? Entre no grupo de
WhatsApp do Em Pauta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *