Justiça bloqueia bens de investigados na Operação Raio X
O Poder Judiciário em Birigui determinou o sequestro e bloqueio, assim como a alienação antecipada, de diversos bens e valores de investigados na Operação Raio X, deflagrada em 2020 para desarticular um grupo que desviava recursos públicos de equipamentos de saúde geridos por organizações sociais.

A Operação foi realizada no dia 29 de setembro do ano passado e contou com a participação de 806 agentes públicos.  Na região, policiais civis estiveram em um alvo em Atibaia e outro em Bragança Paulista. Durante a ação foram empregados, 204 viaturas e dois helicópteros.

O nome dos alvos não foi divulgado na oportunidade pela polícia. A Justiça também não divulgou os alvos que tiveram os bens bloqueadas.

A Operação Raio X tem como objetivo desmantelar um grupo criminoso especializado em desviar dinheiro destinado à saúde mediante celebração de contratos de gestão em diversos municípios por meio de organizações sociais.

Em Bragança Paulista, o Em Pauta apurou que a operação na época aconteceu no Euroville. Já em Atibaia, a operação ocorreu no bairro Vila Thais. Em nenhuma das cidades foram efetuadas prisões, no entanto, documentos e computadores foram apreendidos.

Segundo o Ministério Público do Estado de São Paulo, as medidas atingem, por exemplo, uma fazenda no interior do Mato Grosso do Sul, aeronaves, automóveis de luxo e valores em dinheiro e cheques.

A Operação Raio-X levou ao oferecimento de denúncia contra 70 pessoas pela prática dos crimes de organização criminosa, peculato, corrupção passiva, corrupção ativa, lavagem de dinheiro e fraude à licitação, atribuindo a cada um dos denunciados o tipo penal caracterizado por sua atuação.

INFORME-SE

A melhor arma contra a desinformação é o jornalismo sério e profissional. Informe-se diariamente, pelo Jornal Em Pauta.

Para outras notícias policiais acesse: https://jornalempauta.com.br/category/policia/

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como região no celular? É só clicar aqui:
WhatsApp do  Em Pauta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *