Secretarias Municipal e Estadual de Educação não revelam número de infectados

Secretarias Municipal e Estadual de Educação não revelam número de infectados

As aulas presenciais foram retomadas em Bragança Paulista no dia 1° de fevereiro, na Rede Particular e no dia 8, na Rede Pública.

Até serem suspensas pelo prefeito Jesus Chedid no último dia 2, diversos foram os relatos de salas que tiveram que ter o ensino suspenso, seja pela presença de alunos ou professores infectados.

O Em Pauta recebeu relatos de pais, comunicados internos e até posicionamentos em redes sociais de escolas municipais, estaduais e particulares da cidade, que tiveram casos suspeitos e confirmados de COVID-19 e tiveram que interromper parte das aulas, antes do Decreto Municipal.

Neste período, ao menos dois óbitos por complicações do coronavírus foram registrados em Bragança, envolvendo profissionais da área educacional. Uma professora da Rede Estadual e um professor universitário.

No dia 25 de fevereiro, ainda antes da suspensão das aulas em Bragança, o Em Pauta questionou a Secretaria Municipal de Educação e a Secretaria Estadual de Educação, sobre o número de alunos e trabalhadores afastados por causa da COVID-19.

Perguntamos quantos professores e funcionários tiveram que ser afastados, quantos tiveram confirmação da doença, quantos precisaram de internação, quantos alunos foram afastados, quantos confirmaram que estavam com COVID-19 e se algum teve que ser hospitalizado.

As perguntas desejavam saber o real impacto da COVID-19 dentro das Escolas Municipais, Escolas Estaduais e Particulares de Bragança Paulista. Todavia, após nove dias da solicitação, nem a pasta municipal e nem a pasta estadual deram retorno.

Por telefone, ambas informaram que estavam apurando as informações, mas não a divulgaram até este sábado, 6.

Bragança Paulista vive um colapso na área de saúde, tem 81 pacientes internados por causa da COVID-19, sendo que 22 moradores foram transferidos para outras cidades. Mais 10 aguardam uma vaga em leitos de enfermaria e SUS.

A princípio as aulas estão suspensas somente até segunda-feira,  8. Caso o prefeito Jesus Chedid não se manifeste sobre um novo fechamento, poderão funcionar com 35% de capacidade.

INFORME-SE

A melhor arma contra a desinformação é o jornalismo sério e profissional. Informe-se diariamente, pelo Jornal Em Pauta.

Para ficar sempre por dentro das últimas informações sobre o coronavírus em Bragança Paulista, Atibaia e região, aliás, é fácil. Acesse o link: https://bragancaempauta.com.br/tag/coronavirus/

Quer receber notícias de Bragança Paulista, bem como região no celular? É só clicar aqui:
WhatsApp do Bragança Em Pauta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *