Prefeito mantem 0% de aumento para servidores

Na tarde desta quarta-feira, dia 30, servidores municipais se reuniram com o prefeito Fernão Dias da Silva Leme com o objetivo de tentar reiniciar as tratativas sobre o aumento salarial visto que o prefeito não ofereceu  sequer a reposição das perdas salariais com base na inflação..

ServidoresA reunião foi marcada após manifestação realizada na Câmara Municipal na terça-feira, dia 29, onde os servidores, em sua maioria da Secretaria Municipal de Educação vestiram preto com objetivo de protestar contra o 0% de aumento.

Na oportunidade, os manifestantes carregavam uma faixa pedindo respeito e valorização.

Apesar de haver expectativa de que hoje houvesse uma mudança na decisão e fosse concedido pelo menos um reajuste com base na inflação,  os servidores saíram da reunião descontentes, já que o 0% foi mantido.

AUMENTO DOS VEREADORES

Ainda com relação a aumento salarial, foi protocolado ontem na Câmara Municipal pelo vereador Padre Juzemildo, projeto que tem como objetivo revogar o aumento que os próprios vereadores aprovaram no final de 2015 de cerca de 67%, que será válido para os vereadores a partir de janeiro de 2017, beneficiando assim os que se reelegerem e possíveis novos ocupantes das cadeiras de vereador.

O projeto causou polêmica nas redes sociais, já que além do Padre Juzemildo, contou com a aprovação de outros vereadores que haviam votado a favor do aumento.

Manifestantes, que vinham recolhendo assinaturas, com o objetivo de protocolar na Câmara Municipal um projeto de lei de autoria popular, solicitando a revogação do aumento, publicaram nas redes sociais uma Carta Aberta onde dizem:

“Queremos deixar claro que essa é uma vitória da população e de todos aqueles que têm se dedicado a recolher assinaturas e atos contra o aumento. É a pressão popular que está fazendo com que os vereadores voltem atrás do aumento que ELES MESMOS APROVARAM”.

O grupo solicita ainda que possam participar da Tribuna Livre, a fim de defender a revogação do aumento.

“Estamos, desde já, solicitando abertamente aos vereadores que tenhamos o legitimo direito de apresentar o abaixo assinado bem como de fazer o uso democrático da Tribuna  Livre, uma vez que no ato do inicio do ano os vereadores em sua TOTALIDADE se recusaram a fazer qualquer tipo de dialogo com a população”.

Os manifestantes contra o aumento ainda solicitam que sejam realizadas audiências oram do horário comercial para que a questão dos salários dos vereadores seja rediscutida.

Quem quiser saber mais sobre o grupo que vem se manifestando contra o aumento dos vereadores vale a pena conferir:  https://www.facebook.com/Contra-o-aumento-do-sal%C3%A1rio-dos-Vereadores-de-Bragan%C3%A7a-1536195383371723/?fref=nf